ÁREAS

  1. Home
  2. |
  3. ÁREAS
  4. |
  5. QUÍMICA ORGÂNICA
  6. |
  7. O CARBONO E AS FUNÇÕES ORGÂNICAS OXIGENADAS

QUÍMICA ORGÂNICA - Profº Sergio Pereira

É também conhecida como Química do Carbono, simplesmente porque todo composto orgânico tem necessariamente pelo menos um átomo de carbono na sua estrutura. Mas, atenção: nem todos os compostos que têm carbono na sua estrutura são orgânicos.
Duas propriedades do carbono ajudam a entender sua tamanha importância:
• sua tetravalência, formando 4 ligações químicas;
• a capacidade de formar diversificadas cadeias.
Devido à possibilidade de formar cadeias carbônicas, os carbonos classificam-se em:
• Primários: quando estão ligados a apenas mais um átomo de carbono;
• Secundários: quando estão ligados a dois átomos de carbono;
• Terciários: quando estão ligados a três átomos de carbono;
• Quaternários: quando um átomo de carbono se liga a outros quatro átomos de carbono.
É importante diferenciarmos as moléculas orgânicas existentes, e uma maneira de diferenciá-las é por meio das funções orgânicas presentes. Uma função orgânica é identificada por um grupo funcional (conjunto de átomos) característico, que confere determinadas propriedades à molécula. As funções orgânicas mais frequentes são:

• Álcool: caracterizada pela presença da hidroxila, -OH.
Exemplo: etanol

• Aldeído: com carbonila no extremo de uma cadeia, -COH.
Exemplo: etanal

• Cetona: com a presença da carbonila no meio da cadeia, -CO.
Exemplo: propanona

• Ácido carboxílico: com carboxila no extremo de uma cadeia, -COOH.
Exemplo: ácido etanóico

• Éter: quando o átomo de oxigênio estiver presente como um heteroátomo, -O-.
Exemplo: etóxietano

• Éster: oxigênio ligado a uma carbonila no meio de uma cadeia carbônica, -COO-.
Exemplo: etanoato de etila

• Fenol: hidroxila ligada diretamente ao anel aromático, -OH.
Exemplo: fenol

São inúmeras as possibilidades de reações envolvendo compostos orgânicos. Inicialmente destacamos duas:
Esterificação: reação entre carboxila de um ácido carboxílico e hidroxila de um álcool. Nesta reação, há liberação de água, além da formação de um éster. Os ésteres são de importância enorme na indústria alimentícia, pois são utilizados como flavorizantes. São eles que, em geral, conferem o aroma das frutas em vários produtos. A equação representativa e um exemplo da reação de esterificação são:


Desidratação: é comum ocorrer quando duas hidroxilas de álcoois interagem. Nesse caso, há produção de água e também formação de éter. Esta reação é classificada como intermolecular se envolver dois álcoois diferentes e será intramolecular quando ocorre com moléculas de um álcool que contém duas hidroxilas, um diol.

video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video

Lista Respostas
Lista 1 - carbono e funções orgânicas ver / baixar Começar

Videoaula

Áudio

Nenhuma audio cadastrado
Nenhuma curiosidade cadastrada

Selecione uma aula ao lado para visualizar seu conteúdo!

Videoaula

COZINHAR FEIJÃO EM PANELA DE FERRO

A RELAÇÃO ENTRE A ARGENTINA E A PRATA

ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA

Tire suas dúvidas com professores qualificados.

A qualquer momento, esteja à vontade para entrar em contato conosco! Tire suas dúvidas e peça-nos sugestões a respeito dos temas que mais caem nos principais vestibulares do Brasil! Também, estamos abertos às suas sugestões e críticas para que o Enemex Química fique cada vez melhor!

Estamos à sua disposição!

Um abraço e muito obrigado por nos acompanhar!

Prof. Sergio Pereira e Joel Pontin