ENEM

  1. Home
  2. |
  3. ENEM
  4. |
  5. QUESTÕES DE QUÍMICA AMBIENTAL
  6. |
  7. QUESTÃO 2 - QA - ENEM 2015

QUESTÕES DE QUÍMICA AMBIENTAL - Profº Sergio Pereira

Um grupo de pesquisadores desenvolveu um método simples, barato e eficaz de remoção de petróleo contaminante na água, que utiliza um plástico produzido a partir do líquido da castanha-de-caju (LCC). A composição química de LCC é muito parecida com a do petróleo e suas moléculas, por suas características, interagem formando agregados com o petróleo. Para retirar os agregados da água, os pesquisadores misturam ao LCC nanopartículas magnéticas.

KIFFER, D. Novo método para remoção de petróleo usa óleo de mamona e castanha-de-caju.

Disponível em: www.faperj.br. Acesso em 31 jul. 2012 (adaptado)

 

Essa técnica considera dois processos de separação de misturas, sendo eles, respectivamente,

(a) flotação e decantação.

(b) decomposição e centrifugação.

(c) floculação e separação magnética.

(d) destilação fracionada e peneiração.

(e) dissolução fracionada e magnetização.

 

Resolução:

A formação de agregados entre LCC e o petróleo contitui na floculação, porém, esses flocos possuem nanopartículas magnéticas aderidas para que seja possível a separação magnética.

Gabarito: C

video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video video

Nenhuma lista de exercício cadastrada
Lista Respostas

Videoaula

Nenhuma video cadastrado

Áudio

Nenhuma audio cadastrado
Nenhuma curiosidade cadastrada

Selecione uma aula ao lado para visualizar seu conteúdo!

Videoaula

A RELAÇÃO ENTRE A ARGENTINA E A PRATA

ESTADOS FÍSICOS DA MATÉRIA

REGRA DO OCTETO

Tire suas dúvidas com professores qualificados.

A qualquer momento, esteja à vontade para entrar em contato conosco! Tire suas dúvidas e peça-nos sugestões a respeito dos temas que mais caem nos principais vestibulares do Brasil! Também, estamos abertos às suas sugestões e críticas para que o Enemex Química fique cada vez melhor!

Estamos à sua disposição!

Um abraço e muito obrigado por nos acompanhar!

Prof. Sergio Pereira e Joel Pontin